Home / DESTAQUE / Estiagem faz CEDAE racionar abastecimento de água em Aperibé
Estação da Cedae da cidade reduziu a captação de água - Foto: Arquivo/ Adilson Psiu

Estiagem faz CEDAE racionar abastecimento de água em Aperibé

Moradores de diferentes bairros de Aperibé estão há dias sem água e os principais motivos, são o baixo nível do Rio Pomba e o desperdício. A Coordenadoria de Defesa Civil do município do Noroeste Fluminense, pede a população que economize água.  Por conta da estiagem, o rio está com o nível muito baixo e água com coloração esverdeada, devido à proliferação de algas.

De acordo com Jeferson Lopes, coordenador da Defesa Civil, a estação de tratamento de água (ETA) da Companhia Estadual de Água e Esgoto (CEDAE) na cidade teve que reduzir a captação de 30 para apenas 20 litros por segundo, uma redução de 33%, como forma de manter a qualidade da água tratada aos moradores. Ainda segundo Jeferson, a Defesa Civil aguarda novas informações da CEDAE para se reunir com o prefeito e discutir medidas para solucionar ou mitigar o problema do abastecimento na cidade.

Da redação da Rádio Natividade com informações da Folha Itaocarense