Home / DESTAQUE / Vereadores de Itaperuna rejeitam abertura de processo de impeachment contra prefeito afastado

Vereadores de Itaperuna rejeitam abertura de processo de impeachment contra prefeito afastado

Na noite desta segunda-feira (15), em sessão em que os ânimos ficaram exaltados – com direito a torcida pró e contra por parte de populares que compareceram em bom número ao plenário – a Câmara de Vereadores de Itaperuna rejeitou, por oito votos a três, a abertura de processo de impeachment do prefeito Dr. Vinícius (PR), atualmente afastado das funções por determinação da Justiça, por conta de suspeitas de improbidade administrativa.

Votaram a contra a abertura do Impeachment: Marquinhos do Retiro; Gláuber Bastos; Jayme Ferreira; Amanda da Aidê; Roninho de Venâncio; Welligton do Frango; Paulo Cezar Contador e Felipe Rodrigues. Votaram a favor da abertura do processo: Cazalito, Nel e Moreira. Não votaram os vereadores Nandi Freitas, por ser autor do pedido e Sinei Torresmo, por ser presidente da casa, e que só votaria em caso de empate.

O pedido de impeachment foi protocolado na última semana pelo vereador Nandi (PP), com base na ação do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) que resultou no afastamento do prefeito. Desde março, o vice Rogerinho (Patriota) assumiu a Prefeitura interinamente. Já a defesa de Dr. Vinícius está recorrendo da decisão judicial que o afastou.

Segundo o MPRJ, a ação investiga possíveis irregularidades no contrato de coleta seletiva no município e a presença de Dr. Vinícius na chefia do Executivo poderia atrapalhar o andamento do processo.

Da redação da Rádio Natividade com informações da 96,9 FM