Home / DESTAQUE / Triste estatística: Em apenas duas semanas, seis pessoas morreram em acidentes de moto nas RJs 214 e 220, nos municípios de Natividade, Porciúncula e Varre-Sai

Triste estatística: Em apenas duas semanas, seis pessoas morreram em acidentes de moto nas RJs 214 e 220, nos municípios de Natividade, Porciúncula e Varre-Sai

Entre o final da noite do último dia 22/12/2018 até a tarde desta segunda-feira (07/01/2019), no intervalo de pouco mais de duas semanas, seis pessoas perderam suas vidas só na RJs 214 e 220, nos trechos que cruzam os municípios de Natividade, Porciúncula e Varre-Sai. Foram dois mortos em cada município, a maior parte jovens, com idades entre 18 e 24 anos (apenas um deles tinha 58 ) e em comum à todos, os veículos utilizados, ou seja, motos. Levantamento realizado pelo jornalismo da Rádio Natividade, aponta que a primeira vítima foi a comerciária Carla Aparecida Silva Salino, de 24 anos, que havia saído do trabalho e seguia para casa, na moto Honda NXR 150 Bros de cor preta/ Lajinha (MG), quando por volta das 23h, na altura do Sítio Jaqueira (em 22/12) se chocou se frente com um Fiat Pálio Azul/Guaçuí (ES). Ela chegou a ser socorrida, mas não resistiu.

Praticamente no mesmo local, entre os bairros Nossa Senhora Aparecida e Santa Lúcia, no perímetro urbano de Varre-Sai na noite de Ano Novo (01/01/2019), Heraldo Gonçalves Fidélis, de 58 anos, pilotava a moto Honda CG 125 Titan de cor azul/Bom Jesus do Norte (ES), quando perdeu o controle da direção e sofreu queda às margens da via. Também removido ao pronto socorro da cidade, faleceu instantes depois de dar entrada na unidade municipal.

No final da tarde do dia 24, véspera de natal, Lucas da Silveira Aleixo, de 22 anos, morreu após a Honda CG 150, que viajava sozinho, sentido Varre-Sai X Natividade, despencar do alto de uma ponte de 20 metros, na altura da Fazenda Bela Vista. Ele seguia para Itaperuna, onde visitaria os pais. Às tristes estatísticas, se juntou na tarde desta segunda-feira (07/01), Thiago Pimenta Lopes Rezende, de 19 anos, que precocemente teve a vida ceifada após colisão, distante cerca de 500 metros do desastre acima.

Se somarmos a tudo isso outra rodovia estadual, a RJ 220, que tem início em Itaperuna, passa por Natividade e termina em Porciúncula, na divisa com Minas Gerais, o saldo negativo sobe para seis mortes, já que no réveillon, foram a óbito Carlos Cassiano dos Santos Oliveira, de 21 anos e Luiz Carlos Caetano da Silva Neto, de 18, também vítimas de queda de moto, no limite entre Porciúncula e Tombos (MG).

Da redação da Rádio Natividade

Comerciária morre em acidente no perímetro urbano de Varre-Sai

Motociclista morre após acidente na RJ 214, Natividade

Outro motociclista morre após acidente no mesmo trecho de estrada em Varre-Sai

URGENTE! Motociclista morre em acidente na RJ 214, Natividade

Jovem que morreu em acidente era sobrinho do prefeito de Natividade

Jovem morre em acidente de trânsito na RJ 220, Porciúncula

Morre a segunda vítima do acidente no réveillon em Porciúncula