Home / DESTAQUE / Ministério Público de Natividade deflagra operação de combate ao tráfico de drogas

Ministério Público de Natividade deflagra operação de combate ao tráfico de drogas

Operação de combate ao tráfico de drogas foi deflagrada no início da manhã desta quarta (11), em Natividade. De acordo com as primeiras informações, a ação é um desdobramentos da “Operação Raposo”, resultado do trabalho de investigação realizada pelo Ministério Público do município, que com autorização da justiça e o apoio de policiais da 140ª Delegacia, Grupo de Apoio aos Promotores (GAP), que cumpriram um mandado de busca e outro de prisão na cidade.

Na Rua Dr. Antônio Carlos Cavalcanti, no bairro Cantinho do Fiorello, na residência de um dos investigados, A.P.S., de 36 anos, que não se encontrava, foram recolhidos R$ 2.491,00 em dinheiro, que a esposa afirmou lhe pertencer, além de uma agenda e 21 comprovantes de depósitos bancários.

Na Rua Monsenhor Miguel dos Reis Mello, no bairro Liberdade, agentes da corregedoria da Polícia Militar prenderam o 2º sargento Weslley da Silva Vítor Luquetti, de 42 anos, atualmente lotado no Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRV), que inicialmente deverá cumprir prisão provisória de 30 dias.

Outro investigado, também morador de Natividade, Josiano da Silva Conceição, o Parafuso, de 37 anos, já havia sido preso por agentes da 143ª Delegacia de Itaperuna no dia anterior, ao procurar a distrital para na última segunda-feira (09), ao tentar realizar o registro de extravio de seus documentos.

Justiça de Natividade autorizou a operação do MP outras sete cidades do RJ e MG

Ao todo, foram cumpridos um mandado de prisão temporária (do policial) e 22 de busca apreensão, expedidos pelo juízo da Vara Unica da Comarca de Natividade, nos municípios de Natividade (sede da ação comandada pelo promotor Valdemiro Trócillo), Itaperuna, São José de Ubá, Santo Antônio de Pádua, Itaocara, Nova Friburgo, além de Patrocínio do Muriaé e Cataguases, ambos em Minas Gerais, com intuito de desarticular uma suposta quadrilha de criminosos que abastece com drogas as Regiões Noroeste e Serrana do Rio, que possuiria possui ramificações em cidades do interior de Minas.

A Operação conta com o apoio de cerca de 70 policiais militares do 29ºBPM em 15 viaturas, além agentes da CSI, GAP de Itaperuna, Nova Friburgo, Campos e Macaé, além da corregedoria da Polícia Militar, 29º Batalhão de Itaperuna, 36º Batalhão em Pádua, Delegados de Polícia de Natividade e Itaperuna, bem como seus respectivos agentes, incluindo, ainda, o apoio da Polícia Militar de Patrocínio de Muriaé e Cataguases.

Até o momento, de acordo com a PM, vários suspeitos já haviam sido presos. Foram apreendidos um revólver calibre 38, duas espingardas, farta quantidade de munição, 32 aparelhos celulares, 01 tablet, comprovantes de depósito bancário, cerca de 160 gramas de maconha, certa quantidade de cocaína, duas balanças de precisão, grande quantidade de material para endolação de drogas e aproximadamente R$ 9 mil em espécie (veja fotos abaixo).

MP deverá emitir nota com balanço da operação

O jornalismo da Rádio Natividade, por telefone, manteve contato com o promotor, que preferiu não gravar entrevista e informar que uma nota oficial, deverá ser divulgada nas próximas horas com o balanço final da operação.

Da redação da Rádio Natividade – Foto de capa: Jornalismo/Rádio Natividade

 

Promotor Valdemiro Trócillo passa aos agentes detalhes da operação