Home / DESTAQUE / Varre-Sai recebeu caravana de alunos de Rio das Ostras

Varre-Sai recebeu caravana de alunos de Rio das Ostras

Cerca de 80 alunos, do 5º ano do ensino fundamental, do Centro Educacional Casulo, de Rio das Ostras, estiveram durante toda a sexta-feira (08/06) visitando Varre-Sai. O passeio é parte do Projeto Influências Imigratórias no Brasil e contou com o apoio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Varre-Sai. Na ocasião, eles puderam acompanharam a produção de café na localidade Boa Sorte, onde conheceram a lavoura, beneficiamento e degustação do café. Prosseguindo com a visita, estiveram no Sítio Velho Moinho, onde almoçaram e em seguida, visitaram a Adega Dário Bendia, onde conheceram a história da família Bendia e um pouco da cultura italiana no município.

Logo em seguida, a caravana assistiu a apresentação do bailado italiano de Varre-Sai, que aconteceu na Praça Padre Abaeté Cordeiro, no centro da cidade. Encerrando a visita, os alunos foram recebidos para um café da tarde no Centro Cultural Sebastião Oliveira Vargas, onde também visitaram a Sala Baden Powell e tiveram a oportunidade de ter contato com a obra do violonista, nascido em Varre-Sai, através da apresentação do cantor Glaudston Baptista Couto (Rimão).

 A coordenadora de área de História e Geografia, Flávia Maciel, explicou que o Centro Educacional desenvolve o Projeto Influências Imigratórias no Brasil com o 5º ano do ensino fundamental I e por Varre-Sai ter forte influência de imigrantes italianos foi o município escolhido para a visita.

“Eles estudam sobre a vinda dos italianos para o Brasil e como eles influenciaram na nossa cultura, por isso, resolvemos fazer essa parceria com a Didática Turismo que montou o roteiro sobre o café e imigrantes italianos e portugueses, com o apoio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Varre-Sai”, relatou Flávia.

O aluno Pedro Freitas Huguenin, 10 anos, falou do que gostou na visita.

“Estou achando legal! Gostei muito do Velho Moinho, da Fazenda de Café e do bailado, é como havíamos estudado. Aqui é muito diferente de Rio das Ostras, tem morros e lavouras de café”, destacou.

A secretária municipal de Educação e Cultura de Varre-Sai, Fátima Pimentel, falou da satisfação em receber os alunos no município.

“Para Varre-Sai é muito importante esse intercâmbio entre municípios para divulgação da nossa cultura e influência italiana. Os alunos estudaram também a cultura do café e tiveram a oportunidade de visitar uma fazenda (na capital do café) com todas as fases da produção, desde o plantio ao beneficiamento e consumo. Estudaram a teoria na escola e vivenciaram aqui o que aprenderam nos livros sobre a história, a imigração e cultura italiana”, afirmou.

O prefeito de Varre-Sai, Silvestre José Gorini, agradeceu aos estudantes pela visita.

“Agradeço a visita de vocês e espero que levem uma boa impressão do nosso município”, disse o prefeito.

Da redação com informações de Silaine Terra/Decom