Home / DESTAQUE / Prefeitura de Porciúncula decreta situação de emergência e também suspende aulas

Prefeitura de Porciúncula decreta situação de emergência e também suspende aulas

O prefeito de Porciúncula Léo Coutinho, decretou situação de emergência no município, por conta do desabastecimento, desencadeado pela paralisação dos caminhoneiros, que nesta terça-feira (29), entrou em seu nono dia. No documento, o executivo alega que os serviços à população estão sendo afetados e entre outros, suspende as aulas na rede municipal de ensino nestes dias 29 e 30 de maio. Em 31 será feriado e 01 de junho, ponto facultativo e com isso, na prática a situação deverá ser reavaliada na próxima semana.

O recolhimento de lixo domiciliar também foi afetado, devendo ocorrer a cada dois dias. A prioridade está focada no atendimento emergencial ao setor de saúde e transporte de pacientes para os serviços, principalmente de hemodiálise e quimioterapia, no Hospital São José do Avaí, em Itaperuna. O decreto será enviado à Secretaria Estadual de Defesa Civil, que teria se comprometido a enviar a partir desta quinta-feira (01), combustível para cidade a fim de suprir as necessidades básicas.

Da redação da Rádio Natividade – Foto: Jornalismo/Rádio Natividade