Home / NATIVIDADE AGORA / Na contramão: Vereadores de Natividade ignoram crise e aumentam seus próprios salários

Na contramão: Vereadores de Natividade ignoram crise e aumentam seus próprios salários

Ignorando a grave crise financeira pelo qual passa o país, principalmente o estado do Rio de Janeiro, que congelou os vencimentos de servidores, os vereadores de Natividade para surpresa de todos, aprovaram o aumento de seus próprios salários a partir de 2017, além de manter o 13º salário. De acordo com o Projeto de Lei Nº 784/2016, aprovado por maioria em plenário  – ainda durante o período eleitoral – e já inclusive sancionado pelo prefeito Francisco José Martins Borher, os proventos dos parlamentares locais, passarão a partir do ano que vem para R$ 6.077,34. A cópia do documento foi enviado à emissora por um leitor, na noite desta quinta-feira (01).

A notícia gerou protestos de servidores municipais, que há pelo menos há dois anos, sob alegação de que o município não possui recursos, seguem sem sequer a reposição da inflação. A própria casa, que concedeu o benefício aos seus integrantes, autorizou que o executivo parcelasse parte do que é devido aos funcionários. O município, que atravessa um de seus piores momentos, sem dinheiro para honrar a folha de pagamento em dia, além de ações básicas como, por exemplo, a manutenção da frota e compra de medicamentos, recebeu a notícia com perplexidade. A Rádio Natividade irá publicar nas próximas horas, a lista com o voto de cada vereador. Já os salários de prefeito, vice e secretários não foram alterados e continuam os mesmo.

– Essa Câmara de Natividade é uma vergonha! Enquanto todos cortam gastos, eles aumentam o próprio salário. Isso sem falar na farra do dinheiro das diárias, onde todos na verdade, vão é passear com o dinheiro público. Acho que se esqueceram que o país está em crise, com o estado do Rio falido e nós servidores de Natividade, com os salários atrasados e sem aumento há mais de dois anos. Para o funcionário não tem dinheiro para aumento, mas pra eles tem. Esses caras são uma piada. Só esperaram a eleição passar para meterem a mão, – disse revoltada uma servidora.

Errata: Ao contrário do que chegou a ser publicado inicialmente, o 13º salário, considerado legal, já era pago aos vereadores desde legislaturas passadas. Portanto, o benefício apenas foi mantido.

salario-vereadores