Home / DESTAQUE / Itaperuna: Forças de segurança prestam homenagem a policiais mortos no RJ

Itaperuna: Forças de segurança prestam homenagem a policiais mortos no RJ

As forças de segurança pública que atuam na região Noroeste Fluminense (29ª AISP), com maior ênfase em Itaperuna, prestou no final da tarde desta segunda-feira (21), homenagem aos quatro policiais militares mortos pela queda de um helicóptero da corporação, neste final de semana no Rio de Janeiro, além dos mais de 100 agentes que perderam suas vidas durante o cumprimento do dever, apenas em 2016. Com sirenes ligadas, viaturas da PM, Polícia Civil, Guarda Municipal e Corpo de Bombeiros, percorreram as principais ruas da cidade, encerrando o cortejo em frente à sede do 29º BPM.

Da redação da Rádio Natividade – Fotos: Blog Adilson Ribeiro

A queda da aeronave:

Um helicóptero do Grupamento Aeromóvel da Polícia Militar caiu, no início da noite deste sábado, próximo à Cidade de Deus, Zona Oeste da cidade. Quatro militares morreram no acidente, segundo informações do Corpo de Bombeiros. Porem, a PM ainda não confirma o número de mortes. A imagem do helicóptero caído foi flagrada por uma câmera do Centro de Operações Rio da Avenida das Américas. A informação foi confirmada pela PM, que passou o dia em operação na região, após tiroteio com bandidos.

Os militares mortos foram identificados como major Rogério Melo Costa (piloto), capitão Schorto, subtenente Barbosa e sargento Félix.

De acordo com o comandante Figueiredo, do 18º BPM (Jacarepaguá), ainda não é possível afirmar se a aeronave foi abatida por disparos dos criminosos. — Precisamos aguardar a perícia. Não é possível saber o que aconteceu sem todos os detalhes — diz.

Pelas redes sociais, moradores dizem que a situação é tensa em vários bairros próximos ao local. Há relatos de tiroteio no Gardênia Azul, Anil e Freguesia. “Muitos tiros na região. Moradores estão evitando sair de casa”, escreveu um internauta no Facebook.

A Lamsa, concessionária que administra a Linha Amarela, pede que os motoristas evitem a região. O Centro de Operações da Prefeitura do Rio informou que estão interditados os dois sentidos da Linha Amarela, na altura da comunidade, além de trechos da Av. Ayrton Senna.

Na manhã deste sábado, o tiroteio provocou a interdição da Linha Amarela por cerca de uma hora, na altura da Cidade de Deus. De acordo a UPP Cidade de Deus, policiais encontraram bandidos armados durante patrulhamento pela comunidade, dando início a confrontos. Houve perseguição e, além da Linha Amarela, a Avenida Edgar Werneck também precisou ter o trânsito interrompido por alguns minutos. Horas depois, já durante operação do Bope, um segundo tiroteio causou nova interdição na Linha Amarela.

02 03 04 05 06 07