Home / DESTAQUE / Tragédia: Três mulheres da mesma família morrem em acidente na RJ 220, Natividade

Tragédia: Três mulheres da mesma família morrem em acidente na RJ 220, Natividade

Uma tragédia matou três pessoas de uma mesma família provavelmente no final da noite desta segunda-feira (27), na RJ 220, no trecho que liga Natividade a Porciúncula. De acordo com informações colhidas no local pela reportagem da Rádio Natividade, Solange Bianchini Dalpério, de 54 anos, dirigia a caminhonete Toyota Hillux, de cor prata, placa OVE 3704/Tombos (MG), quando em uma curva, próximo ao limite entre os dois municípios, perdeu o controle da direção, saiu da pista, capotado ribanceira abaixo, indo parar dentro do leito do Rio Carangola.

No carro, que ficou quase que completamente submerso, ainda estava sua filha, a jovem Vanessa Bianchini Dalpério, de 29 anos (esquerda no detalhe) e sua irmã (da condutora), Maria Helena Ferreira Bianchini, de 52 (no lado direito do detalhe). Todas morreram na hora e os corpos, que estavam dentro da cabine, foram resgatados da água por bombeiros do destacamento 4/21 de Natividade.

Segundo testemunhas, as vítimas que seriam residentes no distrito de Catuné, Tombos (MG), estariam seguindo para casa. No entanto, como demoraram muito a chegar, familiares iniciaram buscas pela estrada e eles próprios descobriram o acidente – a cerca de arame estava rompida e o utilitário com um das rodas traseiras aparente – e acionaram a Polícia Militar por volta das 00:30h, que por sua vez, repassou a ocorrência aos agentes do Posto 18 do BPRV, que até a manhã de hoje, mesmo após concluída a perícia, permaneciam guarnecendo o local, até a chegada do rabecão que removeu os cadáveres  ao IML de Itaperuna.

A 140ª Delegacia Legal de Natividade agora trabalhará para definir as causas do desastre. Neste mesmo ponto, já foram registrados inúmeros acidentes, muitos dos quais, com vítimas fatais, como o que matou 3º sargento Alonso Duarte de Figueiredo e Maxwell Martins da Silva, de 26, em 25/07/2014 ( relembre abaixo), além de Alexandre Ferreira de Souza, de 30 anos, no dia 27 de setembro do mesmo ano.

Da redação da Rádio Natividade – Fotos: Antônio Neto/Rádio Natividade

 

As vítimas eram mãe, filha e tia - Reprodução Facebook
As vítimas eram mãe, filha e tia – Reprodução Facebook

08 09

Apenas um das rodas permaneceu fora da água
Apenas uma das rodas permaneceu fora da água

DSC_9563 DSC_9564 DSC_9565 DSC_9566 DSC_9567 DSC_9568 DSC_9569 DSC_9570 DSC_9571 DSC_9573 DSC_9574 DSC_9575 DSC_9576 DSC_9577 DSC_9578 DSC_9579 DSC_9580 DSC_9581 DSC_9582 DSC_9583 DSC_9584 DSC_9585 DSC_9589 DSC_9590 DSC_9591 DSC_9595

RELEMBRE:

25/07/2014 : URGENTE! Dois mortos em acidente envolvendo viatura da PM na RJ 220 entre Natividade e Porciúncula

Duas pessoas morreram em um trágico acidente envolvendo uma viatura da Polícia Militar e um veículo civil, na manhã desta sexta-feira (25), na RJ 220, no trecho que liga os municípios de Natividade e Porciúncula. De acordo com testemunhas, a viatura do Grupamento de Ações Táticas (GAT), da 3ª Companhia, prefixo 52-2338, teria batido de frente com um Chevrolet Astra, placa GZT 3816/Varre-Sai, na altura da localidade do Triunfo, zona Rural de Natividade.

Com o impacto, o motorista do Astra, que seria morador de Varre-Sai e um policial militar, de Natividade, morreram na hora. Outras cinco vítimas, sendo um civil e quatro militares, foram socorridos por bombeiros do 21º GBM e equipes do pronto socorro do Hospital Natividade ao Hospital São José do Avaí. Ainda não há informações sobre seus estados de saúde. A violência da batida foi tão intensa, que a viatura se partiu ao meio. Quatro unidades de resgate se deslocaram para atender á ocorrência.

Os dois corpos, presos às ferragens, até o fechamento desta matéria, permaneciam no local, aguardando a chegada da perícia da Polícia Civil. As identidades dos mortos, ainda não foram divulgadas oficialmente.

Identificadas vítimas do acidente na RJ 220 em Natividade

Foram identificadas as vítimas do acidente envolvendo uma viatura da Polícia Militar e um automóvel de passeio, início da manhã desta sexta-feira (25), na RJ 220, no trecho que liga os municípios de Natividade e Porciúncula.

Morreram na hora, o 3º sargento Alonso Duarte de Figueiredo, de 40 anos – que seguia com outros quatro colegas, na unidade prefixo 52-2338, do Grupamento de Ações Táticas (GAT) – além de Maxwell Martins da Silva, de 26, que dirigia o Astra, placa GZT 3816/Varre-Sai. O policial era residente em Natividade e o outro rapaz, na vizinha cidade de Varre-Sai.

Se feriram e foram socorridos ao Hospital São José do Avaí, em Itaperuna, o subtenente Laerte Brandão Alves, de 48 anos, os sargentos Edson Clayton Gonçalves, de 36, Dimas José da Silva, de 34, o cabo Thiago Gonçalves, de 29, além de um passageiro do Astra, identificado como Alisson Ribeiro da Silva. Nenhum deles, de acordo com a unidade de saúde, corre risco de morte.

De acordo com colegas de farda, a guarnição da 3ª Companhia de Porciúncula, havia assumido o plantão cerca de meia hora antes do acidente e seguiam para a sede do 29º BPM em Itaperuna, para abastecer a viatura, quando colidiram com o outro veículo, que trafegava em sentido contrário.

Os corpos foram removidos após perícia, ao IML, devendo ser liberados apenas no final da tarde. Dois dos feridos, até o fechamento desta matéria, seguiam sendo submetidos à cirurgia. Os demais permanecem em observação.

Da redação da Rádio Natividade – Fotos: Antônio Garcia Neto/Rádio Natividade

01

31 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47

 

27/09/2014 – Outra vítima fatal na mesma curva:

Um homem morreu em um acidente no final da tarde deste sábado na RJ 220, no limite entre os municípios de Natividade e Porciúncula. De acordo com testemunhas, ele estaria sozinho, conduzindo um veículo Fox placa MQY 5939, no sentido Porciúncula-Natividade quando, ao tentar fazer uma curva, perdeu o controle da direção e capotou.

Alexandre Ferreira de Souza, de 30 anos, que seria caminhoneiro, chegou a ser socorrido com vida por uma ambulância, até o Pronto Socorro do Hospital Natividade, onde não resistiu aos ferimentos e faleceu instantes após dar entrada na unidade.

Amigos da vítima, ouvidos pela reportagem da Rádio Natividade, relataram que o rapaz havia chegado de viagem e teria se deslocado á Porciúncula onde deixou, no charque onde trabalhava o caminhão, onde desempenhava suas funções. O corpo segue na unidade de saúde e deverá ser removido ao IML de Santo Antônio de Pádua, para exame de necrópsia.

Da redação da Rádio Natividade – Fotos: Antônio Neto/Rádio Natividade

50

51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67