Home / NATIVIDADE AGORA / Representantes dos servidores rebatem secretário e dizem que se cansaram de esperar pela posição do município – OUÇA

Representantes dos servidores rebatem secretário e dizem que se cansaram de esperar pela posição do município – OUÇA

A Rádio Natividade recebeu na manhã desta sexta-feira (28), um grupo de representantes dos servidores ligados à Secretaria de Educação, que em razão da falta de reajuste, deflagraram paralisação por tempo determinado até o próximo sábado (30). Os servidores, acompanhados do sindicalista Eliezir Marchiote – que colocou seu cargo de presidente do Instituto de Previdência (NATPREV) à disposição do prefeito Francisco Martins – rebateram as alegações do secretário Wander Arenari do Carmo, afirmando que ao contrário do que ele havia dito anteriormente à emissora, apenas uma escola não aderiu ao movimento, acrescentando que a maioria dos professores não compareceu às suas respectivas unidades hoje. Arenari, ainda foi acusado de tentar coagir servidores.

– O que está havendo não é aula, mas sim alguns contratados, não concursados, sendo colocados no pátio para fazer atividades com os alunos. Esses que dependem de contrato ou recebem uma gratificação estão sendo pressionados, ameaçados. Para mim, isso não é aula! Aula só ocorre com educador presente em sala, o que não está acontecendo. Só para se ter uma ideia, 72 professores assinaram o livro de presença no movimento que está acontecendo na sede do sindicato, -destacou a professora Paula Ferreira, uma das líderes do grupo.

Já Eliezir, salientou que a situação dos servidores é muito grave, já que desde 2001, não ocorria algo semelhante.

– De 2001 até esta data, nunca aconteceu de os servidores ficarem sem reajuste. Era uma briga danada com os prefeitos, mas no final, mesmo que pouco, algo era concedido, – destacou o sindicalista, que deverá reassumir nos próximos dias o comando do sindicato.

Depois da entrevista, em passeata, munidos de cartazes e gritando palavras de ordem, os funcionários percorreram as ruas centrais da cidade.

Ouça a entrevista completa concedida ao jornalista Vanderson Garcia:

DSC_5153 DSC_5154 DSC_5155 DSC_5156 DSC_5157 DSC_5158 DSC_5159 DSC_5160 DSC_5161