Home / DESTAQUE / Usuários reclamam da falta de médico no PSF do bairro Sindicato

Usuários reclamam da falta de médico no PSF do bairro Sindicato

A redação da Rádio Natividade tem recebido durante os últimos dias, diversas reclamações de usuários, que necessitam de atendimento, principalmente no Posto de Saúde da Família (PSF), do bairro Sindicato. A principal queixa é a constante falta de médico na unidade. De acordo com uma dona de casa, o problema já se arrasta por vários dias.

– Tenho sérios problemas de saúde, principalmente nos ossos, sendo necessário tomar muitos remédios controlados. Acontece que eles (remédios) acabaram e só consigo comprar com receita especial, que o P.U, por exemplo, não fornece. Já estive por várias vezes no posto e sempre a informação é de que não tem médico. Estou sem meu medicamento e não tenho condições de pagar consulta particular, – protestou.

A redação da emissora, durante a manhã desta quinta-feira (15), entrou em contato com a secretária de saúde Fabiana Belloto, que está de viajem ao Rio de Janeiro, mas por telefone, admitiu o problema e salientou que a questão está sendo resolvida.

– Realmente estamos cientes do problema, que na verdade foi ocasionado pelo fato de o médico anterior, ter pedido demissão e estarmos encontrando dificuldades em conseguir um substituto. Os PSFs na verdade, são geridos pelo Consórcio CODESP, que é o responsável pela contratação de pessoal, mas ainda assim, a secretaria está correndo atrás. A grande questão é relacionada aos salários pagos aos profissionais que são muito baixos e quase ninguém aceita trabalhar por este valor. É um problema que herdamos e estamos procurando solucionar. Até conseguimos um médico para quebrar um galho, mas ele atendente apenas duas vezes por semana. Sei que não é o ideal, mas sim um paliativo. Mas estamos nos esforçando ao máximo para encontrar a solução, – destacou a titular da pasta, sem, contudo estabelecer prazo.

Da redação da Rádio Natividade