Home / DESTAQUE / Defensores de animais protestam contra o envenenamento de cães em Bom Jesus do Itabapoana

Defensores de animais protestam contra o envenenamento de cães em Bom Jesus do Itabapoana

O suposto caso de envenenamento coletivo e criminoso de diversos cães na semana passada em Bom Jesus do Itabapoana, levou dezenas de protetores às ruas da cidade nesta terça-feira (18), quando munidos de faixas e cartazes, os defensores dos direitos dos animais, pediram que a situação seja rapidamente esclarecida pelas autoridades. A ação pacífica foi deflagrada bem em frente à sede da Associação Protetora dos Animais e da Natureza (APAN), mesmo local onde os caninos foram mortos. O grupo também fez críticas ao setor de Vigilância Sanitária da cidade, que segundo eles, seriam um órgão inoperante.

RELEMBRE O CASO:

Agentes da 144ª Delegacia Legal, se debruçam sobre o suposto envenenamento coletivo de criminoso de pelo menos 12 cães que estavam abrigados na sede da ONG Associação Protetora dos Animais e da Natureza (APAN), na Rua 21 de Abril, no bairro Oscar Campos, Bom Jesus do Itabapoana. De acordo com informações recebidas pela Rádio Natividade, os animais eram recolhidos nas ruas da cidade e recebiam tratamento na instituição, que na maioria das vezes, após restabelecimento eram encaminhados para adoção.

No entanto, voluntários tomaram o maior susto, ao chegarem ao local neste final de semana, encontrando oito deles já mortos e os demais agonizando. Um veterinário, que também colabora com a causa, teria atestado a hipótese de envenenamento coletivo. Não há suspeitos do crime ambiental e a polícia agora busca testemunhas quem possam auxiliar na elucidação do caso, que causou comoção entre os defensores de aninais da cidade.

Da redação da Rádio Natividade – Foto: Duarte Fotografias/Blog Jaílton da Penha

protesto 03 protesto 04 protesto 02